Você costuma reconhecer seu time? 7 maneiras simples para você acertar.

Tempo de leitura: 1 minuto

Quando você expressa reconhecimento por uma atitude ou comportamento, está dando às pessoas, informação sobre sua competência e tornando-as mais conscientes de suas habilidades.

Veja aqui 7 maneiras para você acertar na hora de pôr em prática:

  1. Faça aqui e agora – para aproveitar a emoção do momento e para que a pessoa saiba exatamente ao que você se refere;
  2. Torne o outro importante – de tempo de qualidade ao seu liderado;
  3. Faça escuta ativa – se interesse pelo mundo dele, escute-o com atenção plena naquele momento, sem interromper, sem julgar, sem tirar conclusões antecipadas, só então responda;
  4. Elogie – para elogiar você vai precisar prestar mais atenção nas pessoas e assim fazer um elogio verdadeiro.
  5. Cumprimente pelos feitos – um cumprimento curto, como: “ótimo!”, “isso aí”, incentiva, direciona e aproxima o relacionamento;
  6. Reconheça com o olhar – olhar no olho, emitir um simples olhar positivo;
  7. Acene com a cabeça – um aceno demonstrando que está correto, que fez bem feito;

Os reconhecimentos precisam ser específicos e podem ser feitos ao SER , como por exemplo, “Gosto da sua companhia” ou relacionados à CONDUTA: “O seu relatório ficou ótimo” .

Com qual das dicas você mais se identificou? A minha sugestão é que você já coloque em prática.

Para te incentivar ainda mais, veja uma história de meu aluno, no próximo parágrafo.

Eu costumo fazer esse mesmo pedido aos alunos, do Curso Excelência em Liderança e na última turma, um aluno, que é gerente em uma loja de revenda de veículos, escolheu cumprimentar seus funcionários com um abraço na hora que chegasse a empresa.

Na aula seguinte, ele contou que deu os abraços e o pessoal recebeu muito bem a sua atitude, mas, tão bem, que até repetiram entre si! E ele disse ainda, que ficou muito surpreso em como uma simples atitude do líder, transformou o ambiente do dia todo, que ficou leve, com tudo fluindo com facilidade.

Já se decidiu?

Espero que sim e quem sabe você conta a sua experiência aqui nos comentários.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *